História Intelectus Consultoria

Fazer a diferença na área de gestão de pessoas.

Esse pensamento sempre direcionou o trabalho da psicóloga, filósofa e consultora Lidiane Bertê. A carência de serviços diferenciados na área de gestão de pessoas e as necessidades das organizações levaram à decisão de criar uma empresa na área de gestão estratégica de pessoas. Uniram-se em tal propósito os colegas de profissão Fábio Bourscheid e Raphael Rossato.

O ideal concebido pelos três colegas e que direcionou a construção dessa nova empresa foi o de oferecer serviços de alta qualidade, alinhados à estratégia do negócio e que efetivamente trazem resultados para a organização.

Escolher o nome que conseguisse representar essas ideias foi o passo inicial da concretização da empresa, tarefa complexa, dada a necessidade de traduzir em uma palavra as ideias de excelência, qualificação técnica, estratégia, inovação, conhecimento, talentos.

Encontrou-se em "Intelectus" a representação de tais conceitos, uma vez que entende-se que, ao se falar de gestão estratégica de pessoas, deve-se falar de gestão do conhecimento, o que diz respeito, de fato, ao capital intangível das organizações.

"Intelectus" remete, também, à solidez da formação dos fundadores, à elevada qualificação técnica e intelectual, à sustentação da prática em um referencial científico e a busca constante de inovação e de tecnologias na área de gestão de pessoas.

Atentos às demandas do mercado e ao desejo de agregar valor à empresa, a Intelectus buscou profissionais alinhados ao seu ideal, com diferentes qualificações e experiências, de modo a ampliar a sua área de atuação, atendendo a todos os processos na área de gestão de pessoas. Somaram-se à equipe os administradores Ana Bess, Ismael Erriest, Jaqueline Fialho e Susana Drebes, assim como a psicóloga Camila Aguiar. Entraram, também, para a equipe Intelectus as trainees Ariádini Santos e Lígia Bervian. Também participou da construção da Intelectus a intercambista colombiana Luisa Quintero.

Esses diferentes profissionais, com diferentes qualificações e diferentes experiências foram unidos por uma mesma visão de gestão de pessoas: as pessoas são o diferencial competitivo das organizações e são elas que produzem resultado, a partir disso construíram a Intelectus.


Voltar à home